Método Pilates

Criado pelo alemão Joseph Hubert Pilates, que por ter sido uma criança asmática, raquítica e com febre reumática, estudou formas diferentes de movimento para tornar-se mais forte e fornou-se então especialista em cultura física, mergulho e ginástica.
Joseph Pilates dizia: se um indivíduo tem 20 anos e está encurtado, é um velho, porém se tem 60 anos e tem flexibilidade e força, é um jovem.
Na 1a Guerra Mundial (1912), Joseph foi preso num campo de concentração, tornou-se enfermeiro e treinou os outros estrangeiros com os exercícios que criou. Sua técnica foi reconhecida quando nenhum dos internos daquele campo sucumbiu a uma epidemia de gripe.
Hoje, o Método Pilates é usado como atividade física e para fins de reabilitação.
Pilates é uma técnica baseada nos princípios da respiração; centro de força; fluidez do movimento; concentração, controle e precisão para a obtenção e manutenção do desenvolvimento uniforme do corpo através de alongamento e fortalecimento globais proporcionando condicionamento físico e mental, desenvolvendo força, flexibilidade e resistência, proporcionando bem estar e melhor qualidade de vida aos praticantes.

Benefícios

- Diminuição da tensão muscular;
- Alívio de dores;
- Redução do stress;
- Auxilia no controle respiratório;
- Desenvolvimento da consciência corporal;
- Prevenção e tratamento de lesões;
- Condicionamento físico;
- Alongar e fortalecer o corpo;
- Melhorar a postura, a coordenação motora, o equilíbrio  e o alinhamento corporal.